Tell your piteous heart: There’s no harm done

Minha amada filhota,

 

Enquanto fazemos essa conexão longa entre Natal e Paris, para te darmos um pouco de descanso entre um trecho e outro, paro pra fazer um projeção do que nos espera pela frente e fazer um balanço do ano que tá no seu finalzinho. O momento em que esta residência acontece não poderia ser mais apropriado e, ao mesmo tempo, irônico. Pra mim, Bela, além do processo criativo e da residência artística, essa viagem é uma espécie de auto-exílio por motivos políticos dentro do grupo, pois estamos em meio a tantas transformações nos Clowns, e eu não tenho muita certeza, ou melhor, nenhuma certeza do meu lugar nelas. Tenho certeza que estar saindo do nosso cotidiano com você e a tua mãe vai ser uma experiência muito marcante e determinante pro que virá depois disso. Como diria o Paulinho da Viola, voltar quase sempre é partir para um outro lugar. Vamos ver que outro lugar será esse.
Esse afastamento está sendo também providencial para um descanso da cabeça, pra refletir com um mínimo de distanciamento sobre tudo isso. Além dessas indefinições no grupo, e do rojão que foi esse fim de ano pra dar conta das pendências pra deixar tudo no grupo, em casa e na Capitania longe durante dois meses e meio, além das notícias recentes da saúde na nossa família, o que tem me abalado muito. Por tudo isso, essa experiência já está sendo, mesmo antes de começar, muito intensa e cheia de nuances.
Estar com você, meu amor, durante toda essa vivência, acho que será o mais especial de tudo. Da mesma forma que o Shakespeare conta, você também “não tem três anos completos”, exatamente igual à Miranda quando foi obrigada a subir no bote ao lado de Próspero.
Então vamos pra Paris!!!!!
Anúncios

5 comentários sobre “Tell your piteous heart: There’s no harm done

  1. Será um lindo capítulo da história de Belinha, compartilhando muitas experiências de vida enriquecedoras ao lado de vocês! Com certeza a história dela, mesmo ainda não tendo 3 anos completos, dará, no futuro, uma linda peça de teatro! E que teatro melhor, senão o das experiências vividas, do cotidiano, dos momentos mais intensos? Super beijo para vcs!!!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s